Páginas

quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Volta ao mundo em 80 drinks: saiba quais bebidas representam os países.

Cada país tem uma bebida que pode ser considerada a mais “nacional”, digamos assim. Seja o Vinho do Porto em Portugal, a Vodka na Rússia, a Tequila no México ou a famosa Caipirinha no Brasil, todo bom viajante apreciador de drinks tem que experimentar essas delícias sempre que possível.
O site CW Wine Investiment montou um infográfico com as 80 bebidas mais famosas do mundo e os países onde elas se popularizaram. Confira:


O Absinto (França) e o Aguardente (Colômbia e Equador) já são bebidas mais conhecidas mundialmente. A novidade aqui fica por conta das  mais típicas, como o Arak, famoso principalmente em países do Oriente Médio (Líbano, Iraque e Israel). O Akvavit, mais conhecido como Aquavita no Brasil, é uma bebida bastante típica em países da Escandinávia.





A Caipirinha brasileira e o Gin inglês são também bebidas bem populares entre os turistas. A lista surpreende por colocar a Ginjinha como destaque. Também conhecida como Ginja, a bebida é um tipo de licor obtido da fruta de mesmo nome e chega a ser mais popular nas terras portuguesas do que o já famoso Vinho do Porto.
O Chibuku é a cerveja do Zimbabué, assim como Celtia é a da Tunísia. Outras bebidas que ganham destaque na lista são o coquetel Brandy Sour do Chipre e o licor Brannvin da Suécia.


Para ser popular, um drink não precisa ser necessariamente alcoólico. E isso fica claro quando a Coca Cola é listada como a bebida mais popular dos Estados Unidos.
Na Irlanda do Norte, é o Uísque nacional conquista a maior atenção dos turistas. Na Holanda, o Jenever, uma mistura de gin, sementes e aromas variados, é a bebida mais procurada nos bares.


O Mojito (Cuba) e o Mate (Argentina) são também bastante famosos. A Grappa (Itália) é uma espécie de vinho italiano, aromatizado com a erva arruda. O Maotai é um famoso licor chinês, produzido a partir de outra bebida, o Baijiu. Já o Kumis (Mongólia), é um leite de égua acidificado e fermentado, bastante apreciado em toda Ásia Central. Ele possui uma pequena porcentagem de álcool, cerca de 2,5%.


O Palm Wine, conhecido como Vinho de Palma, famoso nas Filipinas e na Nigéria, é uma bebida obtida a partir da fermentação da seiva de diferentes espécies de palmeiras originárias da África. O Pisco (Chile) e Pisco Sur (Peru), são praticamente a mesma bebida, sofrendo apenas uma alteração de nome em cada país.


O Chá indiano, o Rum da Jamaica e Nicarágua, a Sangria da Espanha, a Tequila do México, o Uísque maltês da Escócia e o Saquê do Japão são famosos nos mundo todo. As novidades ficam por conta do Tej e do Soju. O primeiro é uma bebida derivada do mel, bastante consumida na região da Etiópia e Eritreia, e o segundo é um drink feito a partir do arroz, originário da Coreia. Atualmente, ele é produzido em maior escala na Coreia do Sul.


A Vodka da Rússia já percorre mesas de bares do mundo todo e não é novidade pra ninguém. O Wadadli, típico da ilhas Antígua, é uma espécie de cerveja fina, enquanto a VB Beer é uma das cervejas mais populares da Austrália. Já a Tuica é uma bebida feita com ameixas, bastante popular na Romênia.


Fonte: bhaz e CW Wine Investiment
Compartilhe : :

Patrocinio